Portal do Governo Brasileiro

Um acordo de Cooperação Técnica entre o Instituto Nacional do Semiárido (INSA/MCT) e o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) foi firmado na última quinta-feira (18), em Brasília (DF). Assinado pelo diretor do INSA, Ignacio Hernán Salcedo, e pelo representante do IICA no Brasil, Manuel Rodolfo Otero, o documento formaliza o Acordo de Cooperação Técnica entre as duas instituições na busca de melhorar a capacidade da agricultura para diminuir e adaptar-se às mudanças climáticas e utilizar melhor os recursos naturais.


Ambas as instituições reconhecem a existência de áreas de interesse comum, nas quais o trabalho conjunto contribui para os objetivos estratégicos de cada uma delas e para o fortalecimento da cooperação entre os Estados Membros do IICA.


O Acordo de Cooperação Técnica estabeleceu como objetivos: 1) Promover uma cooperação técnica para a Agricultura, Meteorologia, Recursos Hídricos e Biodiversidade, objetivando a competitividade do sistema agroalimentar, o esenvolvimento sustentável da agricultura, a segurança alimentar, a redução da pobreza e a melhoria das condições de vida os territórios urbanos e rurais das Américas e o bem-estar da sociedade; 2) Dar início e amparo, jurídico e técnico, a futuros rojetos de Cooperação Técnica, que sejam procedentes de preocupações comuns ou surjam de propostas de colaboração de uma ou de outra das Partes.


Para cumprir os objetivos deste Acordo, serão desenvolvidas ações nas seguintes áreas de Cooperação Técnica: 1) Contribuir com soluções científicas em Meteorologia, Climatologia, Agrometeorologia e Geoprocessamento, visando o aprimoramento de novos meios de desenvolvimentos de tecnologia para melhoria dos processos produtivos na geração de alimentos, uso dos recursos e insumos; 2) Apoiar ações bilaterais junto aos países das Américas, no âmbito da modernização da meteorologia, Agrometeorologia e Recursos Hídricos, visando a otimização de processos operacionais e eficiência na disponibilidade de informações aos usuários; 3) Contribuir com soluções para diminuir os desequilíbrios sociais e tornar possível a inserção do pequeno e médio produtor no processo de desenvolvimento, com vistas à melhoria do desempenho dos sistemas de produção, com base na sustentabilidade; entre outras ações.


As modalidades a serem adotadas para execução das atividades previstas nesse Acordo serão: Estudos e pesquisas, assessoria direta por meio de missões técnicas, elaboração e execução de projetos, capacitação por meio de cursos, seminários, workshops, vídeos-conferência, treinamento no local de trabalho, visitas técnicas e, dentre outros, intercâmbio de conhecimentos e informações por meio de publicações.

BOLETIM
INFORMATIVO

VÍDEOS

INSA NA
MÍDIA

EDITAIS

EVENTOS