Portal do Governo Brasileiro

A Emater atende 2100 famílias em situação de extrema pobreza no Território da Cidadania da Borborema  

 

Ontem, dia 02 de dezembro, um grupo de 25 extensionistas da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater) participaram de uma visita técnica ao Instituto Nacional do Semiárido (Insa/MCTI). A visita teve como objetivo conhecer o trabalho do Insa em pesquisa e desenvolvimento tecnológico para avaliar experiências bem sucedidas que possam ser aplicadas no Plano Brasil sem Miséria.

 

A Emater firmou uma parceria com o Ministério do Desenvolvimento Agrário, e desde outubro de 2013, presta assistência técnica para 2100 famílias no Território da Cidadania da Borborema. O que inclui os municípios de: Alagoa Nova, Algodão de Jandaíra, Areia, Borborema, Casserengue, Esperança, Lagoa Seca, Matinhas, Massaranduba, Montadas, Pilões, Puxinanã, Queimadas, São Sebastião de Lagoa de Roça, Serraria e Solanea – todos localizados na Paraíba.

 

Para o técnico da Emater e coordenador do projeto, Carlos José de Araújo Filho, as ações do Plano Brasil sem Miséria têm como objetivo retirar a população atendida da extrema pobreza. Hoje moradores de domicílios com rendimento mensal per capita menor ou igual a R$ 70,00 são considerados extremamente pobres. E segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 16,27 milhões de pessoas vivem nesta situação, o que representa 8,5% da população brasileira.

 

Carlos Filho disse acreditar que “a interação e parceria entre o Insa/MCTI e a Emater é uma união saudável, capaz de gerar boas soluções tecnológicas para a população do Semiárido paraibano.” 

 

Naquela ocasião, os extensionistas da Emater conheceram a sede administrativa do Insa e sua Estação Experimental, onde travaram contato com os projetos de pesquisa sobre aproveitamento de águas residuais, recuperação de áreas degradadas, hidroponia e tecnologias sociais. A Emater também apresentou  para os pesquisadores do Insa a avaliação das atividades   no Plano Brasil sem Miséria  desenvolvido no Território da Cidadania da Borborema.

 

Texto e Foto :  Rodeildo Clemente ( Ascom do Insa) 

BOLETIM
INFORMATIVO

VÍDEOS

INSA NA
MÍDIA

EDITAIS

EVENTOS