Portal do Governo Brasileiro

O evento é realizado pela segunda vez no Insa e a programação incluiu participação de mais de 500 alunos de escolas públicas, além de agricultores experimentadores, técnicos, pesquisadores e demais interessados

 

Nos dias 20 e 21 de março, o Instituto Nacional do Semiárido (Insa), Unidade de Pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), em parceria com a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), realizou uma série de eventos em comemoração ao Dia Mundial da Água, comemorado em todo o mundo no dia 22 de março, conforme estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 1993. 

 

Nesta sexta-feira, dia 21, os pesquisadores e técnicos do Núcleo de Recursos Hídricos do Insa organizaram um dia de atividades dedicadas a crianças e jovens estudantes do 5º ao 9º ano do ensino fundamental de escolas públicas de Campina Grande (PB) e região.

 

Na programação desenvolvida nesta sexta-feira para cerca de 300 crianças foi apresentada o primeiro volume das cartilhas sobre o ciclo hidrológico, intitulada “O Caminho da Água”. Esse primeiro volume foi construído com os alunos do Assentamento Vitória, em Campina Grande (PB), que escolheram desde o roteiro até as ilustrações que compõe o material didático.

 

Os estudantes também participaram de uma oficina para escreverem o roteiro e escolherem os personagens do 2º e 3º volume das cartilhas que tratarão respectivamente sobre Economia e Poluição da Água. Elas ainda visitaram a estação de reuso e apresentaram uma peça teatral baseada na história da primeira cartilha. A cartilha “O Caminho da Água” será distribuída em escolas de ensino fundamental e pode ser acessada no site do Insa. 

 

A professora Edjane da Silva, docente de Ensino Religioso na Escola Rural Maria Augusta, em Campina Grande (PB), afirmou que “propostas didáticas como a apresentada pelo Projeto Saber e Água, aqui do Insa, despertam nos alunos a conscientização necessária para que eles revejam o modo como estão utilizando a água”, idéia reforçada por Brícia Mendes, estudante do 9º ano e aluna de Edjane da Silva, ela conta que “o que a gente aprendeu hoje vai nos ajudar a economizar água na hora do banho, de lavar a louça e escovar os dentes” e prometeu  “de agora em diante vou ficar de olho nas torneiras lá de casa”.

 

Insa inova metodologia de construção do conhecimento 

 

Uma das atividades de caráter educativo realizadas no Insa em comemoração ao Dia Mundial da Água consistiu na construção coletiva de propostas de cartilhas que tratam da sensibilização para o uso racional do recurso.

 

Foram realizadas duas Oficinas com professores e alunos de escolas públicas do Ensino Fundamental e pesquisadores do Instituto. O objetivo foi construir subsídios e propostas para a construção dos novos volumes de cartilhas educativas. 

 

Segundo o pesquisador Luis Felipe Ulloa, “a proposta do Insa é fazer, construir com a comunidade, a fim de que possamos teorizar a partir destas ações concretas, e não o contrário”.

 

Esta maneira de construção coletiva do conhecimento tem como principal foco a participação dos alunos e professores, de modo que as publicações representem a história das suas comunidades. Trata-se de mais uma forma de inovação metodológica adotada pelo Insa que prioriza o papel fundamental da comunidade na construção do saber.

 

 Texto: Catarina Buriti e Rodeildo Clemente (Ascom do  Insa)