Portal do Governo Brasileiro

Participantes da oficinaParticipantes da oficina

 

A oficina foi ministrada pelos pesquisadores da área de Recursos Hídricos Janiele Nery, George Lambais e João Simões

 

Realizada no último dia 28, na Comunidade São Domingos, em Cubati (PB), a Oficina sobre Manejo higiênico-sanitário da água para consumo humano, promovida pelo Instituto Nacional do Semiárido (Insa/MCTIC) e PATAC.

 

A atividade que teve como objetivo propiciar às famílias agricultoras uma melhoria no manejo agroecológico da água visando à convivência com o Semiárido, contou com a participação de 30 pessoas, entre elas famílias agricultoras do Projeto de Pesquisa participativa Reúso Agrícola Familiar, lideranças e educadores do Coletivo Regional da Agricultura Familiar do Cariri e Seridó (COLETIVO), assessores do PATAC e pesquisadores do Núcleo de Recursos Hídricos do Insa.

 

A agricultora e Presidenta da Associação do Assentamento São Domingos Sara Constâncio, ressaltou a contribuição desta atividade para prevenção de doenças por meio de água contaminada: “Temos levantado preocupações quanto a contaminação dos alimentos com veneno, mas não tínhamos ainda conversado sobre o que pode estar presente na água e que pode prejudicar a nossa saúde, a exemplo de bactérias, vermes e outros microrganismos, só a partir daí vimos a necessidade de tratar a água. São por meio de momentos como estes que aprendemos bastante com  conhecimento técnico-científico trazido por vocês, e ao mesmo tempo reconhecemos o conhecimento popular, a partir de algumas práticas dos nossos avós e que também são  eficientes para evitar doenças", enfatizou Sara.

 

Para a pesquisadora do Núcleo de Recursos Hídricos Janiele Nery, a crise hídrica tem levado a população a buscar acessar a água a partir de diversas fontes, contudo, nem sempre há preocupação relacionada à qualidade da água. “A Oficina trouxe uma reflexão sobre os riscos do consumo da água para as pessoas, esclarecendo sobre as diversas doenças que podem ser veiculadas pela água e chamando a atenção dos participantes para a importância dos cuidados higiênicos-sanitários independente da fonte de água”, afirmou ela.

 

Como continuação da atividade, ocorrerá dia 9 de outubro o segundo módulo da oficina, que terá como objetivo compreender o funcionamento do sistema simplificado de tratamento da água servida (filtro aeróbico) e do sistema de tratamento com reator UASB (sistema anaeróbico) e lagoas de estabilização, ambos sendo monitorados na Pesquisa Reúso Agrícola familiar, que está sendo desenvolvida em parceria com a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e PATAC, junto às famílias agricultoras articuladas pelo Coletivo Regional da Agricultura Familiar do Cariri e Seridó.
 

 

 

 

 Texto: Marilene Melo (Núcleo de Recursos Hídricos)

Edição: Renally Amorim (Ascom do Insa)

Foto: Organização do evento



NOTÍCIAS RELACIONADAS


BOLETIM
INFORMATIVO

VÍDEOS

INSA NA
MÍDIA

EDITAIS

EVENTOS