Portal do Governo Brasileiro

Logomarca do  eventoLogomarca do evento

 

 

O umbu é um fruto que possui um potencial econômico significativo na região semiárida do Nordeste, e ainda é fonte de geração de renda para diversos profissionais envolvidos na cadeia produtiva, principalmente na agricultura familiar.

 

Dentre as mais de mil e trezentas espécies de plantas conhecidas na Caatinga, o Umbuzeiro é uma das mais emblemáticas para o Semiárido brasileiro. Conhecida como “árvore sagrada do sertão”, título concedido por Euclides da Cunha no romance Os Sertões, “representa o mais frisante exemplo de adaptação da flora sertaneja”, como descreveu o escritor.

 

Nessa perspectiva é que surge o I Simpósio Paraibano do Umbu, que será realizado no dia 21 de setembro, na sede do Instituto Nacional do Semiárido (Insa), Unidade de Pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), em Campina Grande (PB).

 

O Simpósio tem como objetivo reunir pesquisadores, estudantes, técnicos, produtores,  movimentos sociais, órgãos governamentais e entidades ligadas ao desenvolvimento rural sustentável para dialogar acerca da temática da cultura do umbu (Spondias tuberosa).

 

Além disso, o intuito é discutir e elaborar estratégias de estruturação de uma cadeia produtiva agroindustrial do umbu que gere renda, ocupação e emprego no Semiárido paraibano. Assim como promover a recuperação, preservação e ampliação das áreas de cultivo da espécie com manejo adequado.

 

De acordo com o engenheiro agrônomo Ewerton Bronzeado, Extensionista Rural da Emater Paraíba e um dos organizadores do Simpósio a expectativa é que o evento promova a “divulgação e sensibilização da classe política, acadêmica e produtiva da cultura do umbu e a elaboração e execução de um projeto de abrangência em todos os municípios paraibanos que apresentam potencial para essa cultura”, afirma o organizador.

 

O I Simpósio Paraibano do Umbu é uma realização de várias instituições parceiras como o Insa, Sebrae, Emater, Faepa, Embrapa Semiárido, Emepa, Sindicato dos Agrônomos, Veterinários e Zootecnistas (Sinavez), Prefeitura Municipal de Campina Grande e Sumé. Participarão também representantes da Companhia Nacional de Abastecimento (Coonab), da Cooperativa Agropecuária Familiar de Canudos (Coopercuc) e da Cooperativa de Produção e Comercialização dos produtos da Agricultura Familiar do Sudoeste da Bahia (Cooproaf), Sindicato dos Funcionários da Emater (SINTER) e empresas privadas colaboradoras.

 

Além destes, a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

 

Programação

 

Na programação estão previstas palestras, mesas-redondas, apresentações de experiências e feira de produtos orgânicos a base de umbu. As inscrições e credenciamento serão gratuitos e ocorrerão no local do evento a partir das 08:00h em seguida será dada inicio a abertura do Simpósio.  Acesse a programação aqui.

Umbu (Spondias tuberosa)Umbu (Spondias tuberosa)

 

O Umbu

 

O umbu é um fruto que possui um potencial econômico significativo, e ainda é fonte de geração de renda para diversas profissionais envolvidos na cadeia produtiva, principalmente nas comunidades rurais. Os frutos são ricos em água e também em nutrientes, podendo ser consumidos in natura ou utilizados processados para a produção e bolos, sucos, geleias, umbuzadas entre outros.

 

O umbuzeiro é uma planta endêmica da Caatinga, ou seja, é exclusiva da região, e ocorre desde o Piauí até Minas Gerais, podendo alcançar até 7 metros de altura e a copa da árvore pode chegar até 15 metros de diâmetro.

 

 

 

 
 
Texto: Ermaela Cícera Freire
(Ascom do Insa)